Enquanto isso, em Israel…

Segue o editorial do Haaretz de hoje. Alguns diriam que a sociedade israelense está dividida quanto a uma ação contra o Irã. Difícil dizer, pois não estou acompanhando o assunto tão de perto. Daqui de longe, o que parece é que a maioria dos israelenses não desejam a solução bélica para o caso, ou pelo menos estão bastante apreensivos quanto às medidas a serem tomadas por Tel Aviv diante das provocações de Teerã…

Não parece uma boa idéia atacar o Irã (ao menos neste momento). Provavelmente, a ação armada de Israel despertaria a ira (sem trocadilhos) de muitos muçulmanos pelo mundo, talvez de alguns governos… Isso sem falar do terrorismo… Enfim, as consequências podem ser as piores… para todos. Apesar de muito difícil, a alternativa do diálogo talvez seja a mais sensata. Isso se os iranianos estiverem dispostos a conversar…

Israel must listen to U.S. warnings against Iran attack

Haaretz Editorial, 20FEV2012

Does Iran truly intend to use nuclear technology for military purposes, or do its leaders recognize that the international response to such a development could jeopardize its very survival? Continuar lendo