Tags

, , , , , ,

Pois é! Os russos anunciaram aumento nos investimentos em Defesa! Pelo visto, estão querendo recuperar a capacidade perdida. Putin não descuida da capacidade defensiva do país… Há algumas semanas, demitiu o Ministro da Defesa e parte da cúpula militar suspeita de envolvimento com corrupção (essa ao menos é a versão oficial, hehehe). Agora manda dizer que vai por mais dinheiro para a Defesa… Já disse que sou fã incondicional de Vladimir Putin?!? Gosto de Putin… Putin é KGB…

Enquanto isso, em Pindorama, orçamento de Defesa comprometido em 80% com despesas de pessoal e pensões… Muito discurso sobre reaparelhamento, mas ações efetivas ainda estou por ver… Para piorar as coisas, querem usar as Forças Armadas para cuidar de segurança pública (alocando verba para isso). A Presidenta fica feliz, os militares ficam felizes (ao menos aqueles que acham que com isso vão conseguir mais dinheiro do orçamento)… E nossas Forças Armadas começam a ter seu papel e missão constitucional desvirtuados…

Reitero que sou terminantemente contrário a militares federais envolvidos com segurança pública! Segurança pública é atribuição de polícia! Forças Armadas cuidam de Defesa. Faltam investimentos sérios em Defesa…

Como diria o poeta, “ado, ado, ado, cada um em seu quadrado”…

A Russian Topol-M ICBM drives across Red

Russia to Triple State Defense Order by 2015

MOSCOW, December 27 (RIA Novosti) – Russia will gradually increase the annual amount of the state defense order to 2.8 trillion rubles (about $92 billion) by 2015, Deputy Prime Minister Dmitry Rogozin said on Thursday.

“The state defense order will reach about 1.9 trillion rubles next year, about 2.2 trillion in 2014 and 2.8 trillion in 2015,” Rogozin said in an interview with Rossiya 24 television.

Russia allocated about 908 billion rubles (about $30.7 bln) on state defense order spending in 2012.

Rogozin said the sharp increase in spending was necessary to boost R&D and put new weaponry into mass production.

The government has allocated 22 trillion rubles ($730 billion) on the comprehensive rearmament of Russia’s Armed Forces which will see the share of modern weaponry reach 30% by 2015, and total 70% by 2020.

“The implementation of the state defense order is going as planned,” Rogozin said. “The situation with the signing and fulfillment of defense contracts has stabilized.”

Anúncios