Distante, mas presente

Depois da publicação sobre o primeiro teste nuclear da história, alguns dos meus fiéis 16 (dezesseis) leitores me perguntaram o porquê de ter parado com as publicações aqui em Frumentarius. Para não lhes deixar sem resposta, explico: mesmo com essa pandemia (e talvez em função dela), a vida tem estado muito corrida (trabalho, estudo, casa…). Com isso, faltou-me tempo para cá.

Sensibilizado com as mensagens, tentarei retomar as atividades aqui também. Vou (re)começar publicando algumas recomendações de livros, conforme já tenho feito na minha página pública no Instagram (não conhece minha página pública no Instagram? pois está perdendo temp… Clique aqui – ou a visite pelo ícone à esquerda na tela – e me siga lá). Espero fazer jus ao carinho de meus leitores. Abraço!

PS: Aquela notícia da morte de Bob Filho, que acabou se mostranto uma grande falácia, deixou-me muito abalado… Por isso não comentei aqui… Afinal, começamos, há muitos anos, Frumentarius com o Chico Cézar norte-coreano e seu herdeiro gorducho, o Bob Filho…

img_20200713_131843_153

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s