Em uma agradável conversa no almoço de hoje com Humberto Formiga, Luiz Araújo e Márcio Tancredi, este último, dentre as várias observações pertinentes, fez uma que julguei assaz interessante: já repararam que, em todas essas manifestações populares que estão ocorrendo no Mundo Islâmico, não se viu (talvez de forma inédita) qualquer queima de bandeiras dos Estados Unidos ou de Israel!?! Indiscutivelmente, uma vitória para a tolerância e os princípios democráticos e de boa convivência entre os povos! 

Manifestação no Egito: sem a queima de bandeiras de Israel ou dos EUA, felizmente.

 Não obstante, acabei de ver representantes do parlamento iraniano gritando, no plenário da assembléia daquele país, palavras de ordem contra os opositores do regime, inclusive (segundo informou a imprensa e não posso confirmar pois não entendo farsi) clamores pela “morte aos líderes da oposição”! Isso é que é democracia!

Oxalá a opção egípcia seja pelo modelo turco…

Anúncios